Sete Saltos de Baixo, em Itaiacoca, poderá ser considerada Patrimônio Cultural Imaterial de PG

Sete Saltos de Baixo, em Itaiacoca, poderá ser considerada Patrimônio Cultural Imaterial de PG

Das Assessorias 22.06.2022 15h06

Projeto de Lei de autoria da Vereadora Josi, do Mandato Coletivo do PSOL, está entre os 4 PLs apresentados pelo coletivo, nesta semana. 

O Mandato Coletivo do PSOL na Câmara Municipal de Vereadores de Ponta Grossa protocolou na última segunda feira, dia 20, o Projeto de Lei 179 de 2022 que "Declara Patrimônio Cultural Imaterial do Município de Ponta Grossa o Faxina Sete Saltos de Baixos". 

Os faxinais são comunidades encontradas no sul do Brasil e especialmente no estado do Paraná, e existem há pelo menos duzentos anos. Um faxinal é caracterizado pelo uso comum da terra para produção animal coletiva através de criadouros comunitários, produção agrícola para consumo e comercialização  de extrativismo florestal de baixo impacto. 

De acordo com Vereadora Josi, porta voz do Mandato Coletivo do PSOL:

" A valorização e preservação dos faxinais também significa a valorização e a preservação das matas, e da relação equilibrada entre os seres humanos e a natureza. A comunidade faxinalense de Sete Saltos de Baixo é o último faxinal de Ponta Grossa, e hoje se encontra rodeada pelas florestas de pinus que tomam conta da região.  A população que lá vive, sofre com inúmeros problemas como acesso à transporte, educação, saúde e mobilidade, de maneira geral. Nossa intenção é dar visibilidade à comunidade, reconhecendo seu valor histórico e cultural para Ponta Grossa, e sobretudo, garantir que os direitos mais básicos possam ser acessados pelos faxinalenses."

O Mandato Coletivo do PSOL também apresentou outros 3 projetos de lei, nesta semana:

PL 180 de 2022 que concede o título de cidadão benemérito  à Joel Larocca Junior; PL 181 de 2022 que concede título de cidadão honorário à Roberto Ferensovicz e PL 182 que institui no município o “Dia da Economia Solidária”.

PARTICIPE DO NOSSO GRUPO DE NOTÍCIAS NO WHATSAPP

Deixe seu comentário