Paraná

Paranaenses diminuem número de filhos e tem famílias “menos tradicionais”

Brasil com S
Segundo o IBGE, residências para somente um morador cresce em 29,4 % no Paraná, em 2022

O Dia Internacional das Famílias, data proclamada pela ONU (Assembleia Geral da Organização das Nações Unidas) em 1993, é celebrado no dia de hoje (15). A data é comemorada anualmente, com o objetivo de destacar os processos sociais, econômicos e demográficos que afetam as famílias.

De acordo com o IBGE (Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística), as famílias paranaenses estão cada vez menores. Em 2022, as residências no estado reuniam, em média, 2,8 moradores. Já em 2017, a média correspondia a 3,0 moradores por casa, o que resulta em uma queda de 6,7% entre os anos mencionados.

Uma das explicações para este recuo, deve-se ao aumento de 29,4% no número de lares para somente um morador (unipessoais). Essa categoria representa 15 a cada 100 domicílios no estado. A porcentagem de casas para dois moradores também aumentou (12,65%), representando 29 a cada 100 lares.

Residências que comportam cinco pessoas, sofreu uma queda de 2,5%, a qual correspondem a quase sete de cada 100 lares. Aqueles com mais de seis residentes também diminuíram (36%), representando somente dois a cada 100 lares.

Outra explicação que pode ser considerada, é a falta de interesse das famílias paranaenses em ter filhos. O Censo 2010, fez uma investigação com 19 laços de parentesco entre pessoas que moravam na mesma casa. A partir disso, foi constatado que os domicílios “não tradicionais” somaram 50,1%, representando quase 29 mil a mais que a formação clássica.

Uma diferença enorme se comparada com a década de 80, onde o núcleo tradicional, composto por pai, mãe e filhos, representava 66% dos lares.

Leia também: Ponta Grossa sediará ‘VI Torneio Aberto de Tênis dos Campos Gerais’ em junho


Rafaela Colman

Rafaela Colman

Graduanda do último ano em Jornalismo, na UEPG. Atuo como estagiária no Portal Boca no Trombone. Tenho experiência em edição de áudio e vídeo, entrevista e produção de reportagem.

Comentar

Clique aqui para comentar

BNT Vídeos

Mais Lidas

Quer receber as Newsletter BnT?

Cadastre-se e receba, um email exclusivo com as principais noticias produzidas pela equipe do Portal Boca no Trombone