Campos Gerais

Festa do centenário da Diocese será aberta com dia de oração em toda a região

Por toda a Diocese, a sexta-feira terá missas e adorações. Cada comunidade definiu seu horário, sua programação. Confira na matéria a programação completa

 A abertura oficial das comemorações do centenário da Diocese de Ponta Grossa– festejado em maio de 2026 – se dará simultaneamente em todo o território diocesano, nesta sexta-feira (10). Paróquias e santuários farão um momento de oração pela Igreja na Diocese. Na Catedral Sant’Ana, o bispo Dom Sergio Arthur Braschi vai celebrar missa em ação de graças pelos 98 anos, às 18 horas, com a adoração ao Santíssimo Sacramento iniciando em seguida. A ideia é que sejam feitas adorações neste dia 10, na matriz das paróquias e nas capelas, e, onde não houver essa possibilidade, fazer leitura orante ou a reza do Santo Rosário.

     “Será um momento de oração para agradecer a caminhada feita e pedir a intercessão de Deus pelo futuro”, frisou padre Jaime Rossa, vigário geral da Diocese e integrante da Comissão para o Centenário. Para este momento tão marcante, a comissão preparou um material com sugestão para a adoração, nas comunidades que têm o Santíssimo, ou como celebração da Palavra e momento de oração para onde não o tem. A oração oficial do centenário, elaborada pelo bispo Dom Sergio, também foi enviada às paróquias para ser rezada durante esse tempo preparatório para 2026.

     Segundo padre Joel Nalepa, coordenador diocesano da Ação Evangelizadora e também da comissão, a sugestão foi enviada não só às comunidades, mas ainda a casas religiosas e demais espaços de oração. O texto pode ser usado no todo ou em parte. “É para que o nosso povo tenha a oportunidade de um encontro especial com o Senhor, nessa celebração de nossa história”, destacou padre Joel.

     A Comissão para o Centenário sugere que a responsabilidade na coordenação dessa adoração seja assumida pelos diáconos permanentes, ministros da comunhão e da esperança e integrantes do Apostolado da Oração. Intenção é convidar todas as lideranças e toda a comunidade “Desejamos que diante do Senhor possamos louvar pela caminhada que já fizemos: ‘Vida e Comunhão‘ e renovarmos nosso desejo de fidelidade ao Senhor, ‘Esperança e Missão'”, enfatizou padre Joel.

Perpétuo Socorro/Irati
E as paróquias e santuários serão centros de oração amanhã, por toda a Diocese. Cada comunidade definiu seu horário, sua programação. Na Paróquia Nossa Senhora do Perpétuo Socorro, em Irati, todas as capelas estão sendo convocadas a fazerem uma hora de adoração. “Conversando com padre José Nilson e analisando a questão da sinodalidade, que está se incentivando, nós quisemos fazer com que o nosso povo rezasse nesse mesmo intuito: pelos 100 anos da Diocese e 98º aniversário. Por isso, programamos o dia de oração, adoração e a celebração da missa dos 98 anos. Cada pastoral ficou responsável por um horário, mas toda a comunidade é convidada a rezar nessa intenção. Haverá toda uma simbologia, lembrando os 100 anos da Diocese”, adianta o vigário paroquial, padre Alexandre Spena Regueira.

     No Santuário Diocesano de Nossa Senhora Aparecida/Paróquia São Sebastião, a adoração terá início às 18 horas. No Santuário Diocesano de Nossa Senhora das Brotas, em Piraí do Sul, a adoração irá das 14 às 15 horas, momento em que serão atendidas também confissões. Uma missa em ação de graças será celebrada às 19h30. No Santuário Diocesano de Nossa Senhora do Perpétuo Socorro/Paróquia São José, a comemoração dos 98 anos da Diocese terá adoração, às 18 horas, dentro da programação da novena de preparação da Solenidade de Pentecostes, iniciada hoje (9), às 18h30.

 Em Imbaú, na Paróquia São José, igualmente, a adoração acontecerá durante o tríduo em preparação a festa de São José, programada para dia 12. O tríduo iniciou hoje, com missa às 19 horas, e vai até sábado (11). A adoração será após a missa nesta sexta-feira e haverá orações pelo centenário em todas as missas do tríduo. Na Paróquia Santo Antônio, em Imbituva, na matriz, a adoração será às 19h30. Na Capela Nossa Senhora do Perpétuo Socorro, no Jardim Tangará, será às 19h30.

Em Ponta Grossa, na Paróquia Imaculada Conceição, a Igrejinha de Uvaranas, a adoração será às 19h30. Na Nossa Senhora do Pilar, na Palmeirinha, ela acontecerá em três horários, 9h30, 15 horas e 19h30. Na Ronda, a Paróquia Santa Rita tem uma capela de adoração 24 horas e ‘adoradores’ fixos agendados. Toda a escala desta sexta será na intenção do centenário. A capela é aberta nas horas cheias e, quem quiser, pode entrar junto com o pessoal escalado. Isso porque a porta fica fechada e só é aberta com senha, por questão de segurança.

Oração do centenário

     “Ó Deus, Trindade Santa, Pai, Filho e Espírito de amor, há cem anos consolidastes vossa Igreja aqui nos Campos Gerais pela diocese de Ponta Grossa. De um povo de tropeiros, migrantes e aventureiros, constituístes uma família de irmãos, com mais Vida e Comunhão.
Somos hoje peregrinos de esperança, e abertos à missão.
Por isso, vos suplicamos: continuai a derramar vossa vida em nosso chão! Para que, nos anos ainda por vir, prossigamos transmitindo o grande tesouro da fé, pelo amor à Palavra de Deus, pelo dom da Eucaristia, e a certeza da proteção da Senhora Sant’Ana e da sempre Virgem Maria, a Mãe da Divina Graça. Amém!

(Dom Sergio Arthur Braschi)

Leia também: 
Acampamentos religiosos reavivam a espiritualidade na Diocese de Ponta Grossa


BNT Vídeos

Mais Lidas

Quer receber as Newsletter BnT?

Cadastre-se e receba, um email exclusivo com as principais noticias produzidas pela equipe do Portal Boca no Trombone