Entretenimento Evento Ponta Grossa

Festival será palco para show inédito de cantores ponta-grossenses

foto: Rodolfo Justamand
‘O Encontro’ apresenta Álvaro Bueno, Boró e Silvestre Alves pela primeira vez em formato de trio

Os três maiores representantes da música regionalista em Ponta Grossa prepararam uma surpresa para o público do Festival Memorabilia, um evento que busca valorizar a nova geração 60+. De forma inédita, os cantores e instrumentistas Álvaro Bueno, Boró e Silvestre Alves se encontram no palco do Cine-Teatro Ópera para a estreia do show ‘O Encontro’, neste sábado, 13 de julho, às 20h. A entrada é gratuita e aberta para todos. O Festival é realizado pela Diálogos Culturais, com produção da Estratégia Projetos Criativos e Inspire Projetos Criativos.

A proposta do show inédito é que os três artistas explorem e compartilhem as riquezas culturais do Paraná, como sua fauna e flora, sua memória e histórias a partir das composições autorais. Para Eziquiel Ramos, diretor geral do evento, esse encontro é especial porque é a primeira vez que os três se reúnem neste formato de trio. “Além de escolher o repertório, eles tiveram o desafio de traduzir suas composições em uma história com começo, meio e fim, criando uma narrativa envolvente para o público”, comenta.

Outro aspecto marcante da apresentação é que eles irão cantar as composições um dos outros, o que torna o espetáculo ainda mais diversificado e interessante. “Quando recebi o convite para subir ao palco com os dois, eu fiquei muito feliz”, comenta o músico Boró. “Já tínhamos alguns planos de fazer trabalhos juntos e eu me identifico muito com o tipo de música que eles fazem. Músicas regionais, com letras e melodias que contam uma história”, completa.

Para Álvaro Bueno, uma das principais expectativas é de que o show consiga contribuir com o aprendizado do público. “A nossa expectativa maior é que o público conheça a nossa história, tanto no quesito história dos Campos Gerais e do Paraná, conhecer sobre o relevo, as nuances da nossa terra, bem como a nossa trajetória como artistas”, conta.

Entre as canções apresentadas, o público poderá ouvir músicas autorais de cada um dos artistas, sucessos nacionais e também uma canção composta pelos três artistas em homenagem a este encontro. “Queremos que a plateia se surpreenda e curta o formato do show. Esperamos que as pessoas se identifiquem enquanto paranaenses com as canções que propõem exatamente isso. Estamos com uma proposta de reconhecimento, de pertencimento, e é isso que somos individualmente há anos – e agora estamos juntos no ‘Encontro’”, afirma Silvestre Alves.

O Festival

O Festival Memorabilia 60+ é um projeto multicultural com programação que inclui apresentações musicais, exposição interativa e rodas de conversa que trarão convidados para abordar temáticas de interesse do público-alvo, como saúde, convívio social, empregabilidade, qualidade de vida, entre outros. A programação também conta com o encerramento, no domingo (14), às 19h, com o cantor Moacyr Franco. A entrada é gratuita, porém é necessário retirar os ingressos antecipados na loja Rujô (Rua Bonifácio Vilela, 245) ou pelo link no Sympla.

A realização do festival é da Diálogos Culturais, com direção geral de Ezequiel Ramos e produção de Rafaela Prestes (Inspire Projetos Criativos) e Eduardo Godoy (Estratégia Projetos Criativos). O evento é financiado com recursos da Lei Paulo Gustavo, oriundos do Governo Federal para o edital Paraná Festival, gerido pela Secretaria de Estado
da Cultura – Governo do Estado do Paraná.


Das assessorias

Das assessorias

Textos produzidos pelas assessorias de imprensa. Sejam dos órgãos públicos, de empresas da iniciativa privada ou de organizações do terceiro setor.

Comentar

Clique aqui para comentar

BNT Vídeos

Quer receber as Newsletter BnT?

Cadastre-se e receba, um email exclusivo com as principais noticias produzidas pela equipe do Portal Boca no Trombone