Destaque Ponta Grossa

Prefeitura de PG cria curso de formação para guardas civis e agentes de trânsito

Reprodução
O centro abrange áreas como ensino e aprendizagem, gestão operacional, esporte e cidadania, armamento e tiro, gestão educacional e psicologia

A Prefeitura de Ponta Grossa oficializou a criação do Centro de Formação e Capacitação (CFC), dedicado aos Guardas Civis Municipais e Agentes de Trânsito. Segundo o Diário Oficial, o CFC, vinculado ao Comando da Guarda Civil Municipal, tem como objetivo proporcionar treinamentos, aprimoramento e atualização profissional contínua para esses servidores. O Decreto n. 22.846/2024 ainda permite que o centro estabeleça parcerias com outros municípios que compartilhem Guardas Civis Municipais e Agentes de Trânsito.

Atualmente, o CFC opera na Secretaria Municipal de Cidadania e Segurança Pública, situada na Rua Balduíno Taques, n.º 445, no Centro, atendendo oficiais de toda a região.

Leia também: UEPG faz parceria com a Índia para instalação de ‘supercomputadores’

Cursos 

O decreto define as competências do CFC, destacando a promoção de cursos de aperfeiçoamento e especialização. Sob a coordenação da Diretoria Geral, Coordenadoria Geral e Subcoordenadoria Geral, o centro oferece diversos cursos, incluindo:

  • Curso de Formação Técnico Profissional de Guardas Civis Municipais;
  • Curso de Formação de Agentes de Trânsito;
  • Curso de Formação Técnico Profissional de Instrutores e Monitores;
  • Curso de Aperfeiçoamento e Especialização.

Os cursos são destinados à formação e aprimoramento dos profissionais da Guarda Civil Municipal e dos Agentes de Trânsito, abrangendo modalidades presenciais e à distância.

Divisões

O CFC possui uma estrutura organizacional que inclui a Diretoria Geral, composta pela Secretária Municipal de Cidadania e Segurança Pública, o Comandante da Guarda Civil Municipal e o Superintendente de Trânsito e Segurança Viária. Dividido em subdivisões, o centro abrange áreas como ensino e aprendizagem, gestão operacional, esporte e cidadania, armamento e tiro, gestão educacional e psicologia.

As subdivisões, desempenhadas por servidores públicos de carreira, têm funções específicas, como estabelecer a política de ensino, gerenciar recursos operacionais e materiais, planejar atividades culturais e esportivas, entre outras.

O decreto completo, com detalhes sobre competências e estrutura, está disponível aqui.


    Lucas Portela

    Lucas Portela

    Lucas é jornalista formado em Bacharel pelo Centro Universitário Santa Amélia (UniSecal) de Ponta Grossa.

    Graduado desde 2021, possui experiência com redação em portais de notícia, trabalhou nos bastidores de uma emissora de TV local, se aventurou como produtor audiovisual em uma agência de publicidade, já estagiou como assessor de imprensa na Secretaria Municipal de Educação de Ponta Grossa e atualmente exerce o cargo de jornalista redator no portal Boca no Trombone.

    Comentar

    Clique aqui para comentar

    BNT Vídeos

    Quer receber as Newsletter BnT?

    Cadastre-se e receba, um email exclusivo com as principais noticias produzidas pela equipe do Portal Boca no Trombone