Entretenimento

Doutores Palhaços inicia atendimento na Santa Casa de Palmeira

Foto: Divulgação
Missão de levar risos ultrapassa as fronteiras de Ponta Grossa. Projeto que leva alegria para pacientes de hospitais chega agora ao município de Palmeira

A Organização Não Governamental Doutores Palhaços – SOS Alegria iniciou neste mês as intervenções no Hospital de Caridade Santa Casa de Palmeira, nos Campos Gerais. As visitas dos artistas acontecerão todas as quintas-feiras, no período vespertino. Os Doutores Palhaços atuam em Ponta Grossa desde 2008.

Amanda Lourenço (Dra. Carlila) é moradora de Palmeira, profissional de Educação Física da Prefeitura e faz parte de um grupo de teatro da cidade. Desde o ano passado, Amanda passou pela capacitação da ONG desde início de 2023, em Ponta Grossa, para atuar em hospitais.

Ela conta que mais ou menos 11 anos atrás, seu filho fazia um tratamento no hospital de referência da capital do estado e recebeu a visita de artistas no hospital. “Foi um momento de bastante conexão, de bastante alívio para a angústia que sentíamos no momento e naquela ocasião surgiu em mim a vontade de desenvolver esse trabalho”. No decorrer destes anos, por várias vezes me lembrei e procurei me informar sobre como acontecia. Hoje, além de realizar um sonho de mãe, fazer parte dos Doutores Palhaços, agora é uma missão de vida. Então, um sonho duplamente realizado”, disse.

Daniela Borkoski Nonaka (Dra. LoLa), é psicóloga e fez a capacitação em 2015. Ela conta que desde que conheceu a ONG, passou a admirar o trabalho, vendo que era possível levar alegria para as pessoas que estavam no ambiente hospitalar. “Passei pela seleção, passei pelos treinamentos e comecei a realizar as visitas em Ponta Grossa. Porém, sempre tive o sonho de ver o trabalho acontecer aqui na minha cidade, por ser moradora de Palmeira, sempre tive esse sonho. Fico muito feliz que neste ano foi possível trazer o projeto aqui para a cidade e que as visitas começaram a acontecer”, disse a Dra Lola.

Cristian Cleverson Gabardo, diretor Administrativo do Hospital de Caridade Santa Casa de Palmeira destaca que a instituição fica feliz com o trabalho que será realizado pela ONG. De acordo com ele, as intervenções realizadas pelos artistas, acontecerão toda quinta-feira, a partir do mês de maio.

Foto: Divulgação

“A ONG dos Doutores Palhaços é uma organização incrível que já vem alegrando a vida de inúmeras pessoas em Ponta Grossa. E agora, farão isso em Palmeira, tocando a vida de pacientes, funcionários e das equipes de saúde, acrescentando ao tratamento grandes doses de alegria, tornando a rotina hospitalar menos pesada, devido ao clima hospitalar”, disse Gabardo.

Ana Paula Ferreira Marques, secretária municipal de Saúde, comenta que é com grande alegria que Palmeira recebe os Doutores Palhaços. Segundo ela, os profissionais do riso alegram, mas também trazem uma leveza e conscientização por onde caminham. “O hospital normalmente é um lugar de adversidades e o riso, a palhaçaria, pode trazer um pouco de cuidado a mais neste lugar, tanto para quem exerce o cuidado hospitalar, sejam médicos, enfermeiros ou outros profissionais da equipe, mas principalmente para os pacientes que são usuários do SUS e dependem muitas vezes desse cuidado, dessa atenção ou desse manejo no ambiente hospitalar”, disse a secretária de Saúde.

Conquista
Para o coordenador geral da ONG, Bruno Madalozo, é uma grande conquista para a entidade ultrapassar fronteiras e ampliar a quantidade de pessoas atendidas. “Trataremos os pacientes, familiares e profissionais da Santa Casa de Palmeira com o mesmo carinho e profissionalismo. Para nós é uma satisfação realizar este trabalho e por isso, agradecemos a receptividade e a confiança depositada em nossa missão de conquistar risos em mais uma importante instituição de saúde dos Campos Gerais”, finaliza Madalozo.

Financiamento
Os trabalhos realizados pela Organização Doutores Palhaços SOS Alegria contam com o patrocínio das empresas: PACCAR Financial, DAF Caminhões, Concessionárias Barigui, Scherer Auto Peças e Agrocete, por meio da Lei de Incentivo à Cultura, pelo Projeto Salvando Risos 4ªEdição PRONAC 239410.

Leia também: 
Ação em PG combate abuso e exploração sexual de crianças e adolescentes  


Avatar

Das assessorias

Comentar

Clique aqui para comentar

BNT Vídeos

Quer receber as Newsletter BnT?

Cadastre-se e receba, um email exclusivo com as principais noticias produzidas pela equipe do Portal Boca no Trombone