Equipe do Portal BnT Online é agredida por equipe de segurança prefeita Elizabeth Schmidt

Equipe do Portal BnT Online é agredida por equipe de segurança prefeita Elizabeth Schmidt

Boca no Trombone 30.05.2022 16h00

A cobertura do evento de recepção ao governador do Estado do Paraná Ratinho Júnior terminou de maneira violenta e constrangedora, quando durante o evento a equipe de reportagem do Portal BnT Online foi brutalmente agredida pela equipe de segurança da prefeita do município de Ponta Grossa Elizabeth Schmidt.

O anúncio ocorreu na escola municipal, na vila San Martim, quando durante a fala da prefeita, duas pessoas manifestaram-se contra o governo, imediatamente os manifestantes foram retirados do local com o uso de força policial.

A equipe de reportagem que acompanhava o evento em uma transmissão ao vivo pelas redes sociais registrou a retirada do segundo manifestante. Ao aproximar-se da cena, realizando o livre exercício da profissão, a equipe de segurança do governador do Estado aproximou-se e solicitando a exclusão do material, no mesmo instante um funcionário comissionado de Elizabeth aproximou-se de maneira injusta e truculenta arrancaram o equipamento das mãos do repórter cinematográfico impedindo o exercício da profissão.

O servidor foi identificado como Bruno Meyer Levi, que é Guarda Civil Municipal e no momento está lotado em cargo de comissão como motorista e segurança da chefe do Executivo. Na transmissão é possível ouvir o agressor dizer:

"Apaga isso aí, apaga isso aí".

Logo na sequência o indivíduo tomou o equipamento das mãos do repórter e cinegrafista Carlos Ozorio, na tentativa de apagar os arquivos, o mesmo não sabia que o material era transmitido Ao Vivo. Neste momento houve a tentativa de encerrar a transmissão, a mesma foi pausada por alguns instantes.

De acordo com Carlos o agressor proferiu ameaças contra sua pessoa afirmando que poderia "acabar" com o repórter.

"Eu acabo com você, você me conhece, eu não estou sozinho aqui, a segurança do governador está aqui", disse o agressor.

Carlos afirmou que partes dos equipamentos de transmissão foram jogados ao chão e o aparelho celular foi danificado.

"Ele tomou o equipamento de minhas mãos, permanecendo com o estabilizador e celular, o microfone e transmissor foi jogado ao chão, na tentativa de apagar os arquivos o mesmo me empurrou e danificou o aparelho celular, além de proferir ameaças contra minha pessoa", disse.

O jornalista responsável pelo Portal BnT Online -Boca no Trombone, Marcos Silva, repudia a ação e afirmou não ser a primeira vez que o mesmo servidor agride a equipe de reportagem.

"Não é a primeira vez que o BnT é alvo de ações truculentas por parte deste mesmo servidor. Nós inclusive já sugerimos a prefeita que indique profissionais capacitados para atuar no relacionamento com a imprensa. Como a ameaça se repetiu, vamos procurar todos os mecanismos jurídicos para resguardar o direito de acesso à informação".

A injusta agressão foi alvo de debate entre vereadores na Câmara Municipal de Ponta Grossa.

Vereadores.

Durante a sessão desta segunda-feira (30), os vereadores Geraldo Stocco e Joce Canto repudiaram a agressão contra a imprensa e solicitaram explicações sobre a truculência realizada pela equipe do Poder Executivo.

Além do boletim de ocorrência, uma denúncia foi realizada na ouvidoria do município, para que as medidas cabíveis sejam tomadas em face da atitude do servidor municipal, o qual será investigado por agressão e ameaça.

Acompanhe o vídeo de toda a ação.

 

PARTICIPE DO NOSSO GRUPO DE NOTÍCIAS NO WHATSAPP